O Bem e o Mal


Tudo que tende a preservar e aperfeiçoar o homem é o bem. Tudo que tende a deterioração e a destruição do homem é o mal.
Isso é claro e direto, não deixa dúvidas.
Não deixa?
Temos um problema aqui. A pseudociência em conluio com os poderes constituídos determina o que é o bem e o que é o mal em detrimento da percepção e da razão humana.
Além disso, há muitas coisas que tem consequências tardias, seja para o bem, seja para o mal e isso é mais uma dificuldade para determinar o que é o bem e o que é o mal.
Se a pseudociência lhe diz que algo é perigoso, é mortal, você terá a tendência a acreditar. Se isso é falso, você terá dificuldades para descobrir porque haverá muita sugestão para que você acredite na informação, mesmo que perceba o contrário. Com o tempo e repetição, todos os seus conceitos serão abalados e ficarão confusos e ainda, há uma boa chance de um dano psíquico e até neurológico pelo conflito estabelecido. Haverá situações opostas onde aquilo que você acredita ser o mal lhe dirão ser o bem.
Todo esse drama e prejuízo grave tem sua origem em se deixar tutelar e buscar líderes e salvadores.
É um sinal de profunda e grave doença acreditar mais na autoridade do que na sua própria percepção e razão.
Se deixar conduzir, não ser honesto e fiel a si mesmo, é um real risco de vida e saúde e de desenvolver uma psicose irreversível.
Responsabilizar-se por si mesmo e, consequentemente, assumir a própria vida entendendo que somos seres autônomos e capazes de preservar a nós mesmos e de evolução pelo esforço pessoal, é realizar a humanidade em si mesmos. Com todo o potencial humano seria um contrassenso se deixar conduzir e relativizar a moral por negligência.
É evidente que isso, por si só, é um sintoma de insanidade.
A espiral de desvitalização, de doença, de medo e confusão impedem que as pessoas assumam a própria vida e façam o esforço honesto em compreender sua condição e o mundo.
“Pelos frutos conhecereis a árvore”
Os maus frutos são o resultado evidente desse erro primário. O mundo e as pessoas vão mal e isso é inegável.
É urgente uma mudança radical no pensar. E para isso um novo conhecimento é necessário.
Questione!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s