Saúde Global


Somos Responsáveis pela Má Saúde dos Outros?


Assim como a vida, a saúde é uma posse e um bem pessoal. Menos saúde, menos vida. Também decorre daí que manter a saúde é responsabilidade de cada um.
A medicina ensinou, maliciosamente e apoiada em superstições, que a doença se deve a causas externas e que manter a saúde ou evitar a doença também só é possível com meios artificiais promovidos pela “ciência”.
Ou seja, não importa o que você faça ou deixe de fazer, não há como evitar a doença ou manter a saúde porque há causas externas que são sempre mais fortes que o poder de seu organismo de se manter são.
Ainda, você é um vetor de doenças. Você é sempre responsável pela doença dos outros porque você carrega gérmens que são a causa de doença.
Obviamente que esses conceitos não são fatos, mas insanidade supersticiosa impossível de comprovar.
Imagina que todas as pessoas, inclusive crianças saudáveis seriam, segundo essa superstição pseudo-científica, capazes de contaminar seus pais e avós. No caso, vírus, coisas invisíveis e más, estão ocultas nos corpos das pessoas prontos para adoece-las e aos outros humanos. Nem entre selvagens ignorantes e bárbaros se viu tal estupidez em qualquer momento da vida da humanidade. Ah, mas agora essa superstição é CIENTÍFICA! São ou doutores, pesquisadores, especialistas e cientistas que afirmam que é assim.
A verdade científica comprovada é outra. Nenhum gérmen, nem “vírus”, pode adoecer uma pessoa saudável. As doenças são o resultado de um modo de vida contra as leis da vida. A imunidade não pode ser melhorada por meios artificiais (vacinas). Os microrganismos são ubíquos, inofensivos e participam de todos os processos fisiológicos construtivos e destrutivos, mas são sempre consequência da má saúde e jamais causa de doença – são faxineiros que se apresentam quando “chamados”.
Em qualquer hipótese, a responsabilidade pela vida, pela saúde, pela felicidade é PESSOAL. Cada pessoa está dotada das condições para conduzir suas vidas e preserva-las. Não sou responsável pela saúde ou doença dos outros – não posso ser! O que faço com minha vida só cabe a mim e a ninguém mais. Tenho absoluta certeza de que sou capaz e responsável por mim mesmo, de manter e RECUPERAR minha saúde. Rejeito toda a ajuda e recurso que não os meus naturais para me manter e me curar. Ninguém pode me obrigar a nada. Não quero nada dessa pseudociência chamada de medicina. E também, não aceito nenhuma imposição e nenhuma restrição ao meu viver. Cada um que escolha seu caminho e responda por ele.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s