Seitas e Controle Humano


Até a metade do século XX assistimos a filosofias políticas, seitas e religiões usando a força bélica e o poder da força para se impor. Isso mudou drasticamente para a segunda metade do século XX. A ênfase no controle do comportamento, na sugestão, no condicionamento de comportamento e na hipnose coletiva, começaram a ser empregados com grande intensidade e alcance.
A descoberta do acesso à mente e as emoções em detrimento do controle dos corpos humanos pela força, pela ameaça, é notável.

Tentar controlar os humanos pela força está condenado ao fracasso. Funciona por pouco tempo e sempre gera uma violenta oposição.
O uso das leis de controle do comportamento são muito mais eficientes e geram pouca ou nenhuma reação de oposição.
As seitas, as Religiões, as doutrinas políticas e sociais atuais estão bem apoiadas, intencionalmente ou não nessas técnicas e achados da ciência do comportamento ligada a psicologia, a neurologia entre outras ciências do comportamento.
Se observa, com surpresa e pavor, muitas pessoas assim chamadas “cultas” e bem sucedidas ignorando, negligenciando e escarnecendo de matérias ligadas ao controle do comportamento. Esses ignaros se apoiam ainda no poder bélico, na matemática, na engenharia, na química e na economia, sempre diminuindo e fazendo pouco caso daquilo que, sem que se deem conta, é amplamente usado para controla-los como máquinas inconscientes e tolas.
O assunto é sério e as consequências de ignora-lo será fatal para essa geração de vaidosos e orgulhosos.

Como ignorar os bilhões de pessoas que seguem doutrinas religiosas e políticas, as quais determinam o destino da humanidade. Os avanços tecnológicos são usados como motivadores e moeda de barganha. Porém, finalmente, não são eles os instrumentos de controle das pessoas.

É preciso não só dar mais atenção as técnicas psíquicas de controle de comportamento, mas em estuda-las em si mesmo. O caminho possível para o futuro depende de um conhecimento de si mesmo muito mais do que da tecnologia.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s