Vacinas

As vacinas estão apoiadas na crença que a imunidade natural é insuficiente e que se poderia estimula-la artificialmente com essas drogas farmacêuticas.

Essa crença médica é questionável por várias razões e o povo tem sido conduzido por propaganda intensa e extensa para aceitar ser inoculado com pús, DNA animal, aditivos tóxicos, mercúrio e antibióticos.

Como em tudo na medicina alopática as vacinas representam um mercado bilionário para médicos e a indústria farmacêutica e hoje já fazem parte de uma política de dominação estatal.

Jamais as vacinas passaram pelos testes científicos obrigatórios que fazem parte de qualquer experimento para validar uma prática qualquer, a saber:

Realizar experimentos onde há grupos que a)recebem a vacina, que b)não recebem e grupos que c)recebem um placebo. Esses grupos necessariamente precisariam ser acompanhados por décadas e teriam que ser de muitos milhares de sujeitos de várias idades e condições.

O que dizer de drogas que são aplicadas no mundo inteiro e fazem parte de política de estado e que jamais foram validadas?

Não é por acaso que os próprios cientistas declaram que não sabem como as vacinas funcionam.

Chamo isso de charlatanismo ou pior, de uso de uma prática medieval para destruir a vitalidade da humanidade, até prova em contrário!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s